Blog ProgramaThor

A plataforma de recrutamento para programadores pensada por programadores. Entenda melhor o mundo da programação, a criação de uma vaga eficiente, dicas de entrevista, as linguagens do momento, o mercado de desenvolvimento e muito mais!


11 dicas para conseguir um emprego como desenvolvedor front-end júnior

“Front-end Júnior” é o termo comumente usado para pessoas que começam no setor de desenvolvimento com foco na parte da aplicação que interage diretamente com o usuário (interface). Mas não deixe que o título que soa minúsculo te desanime, pois, em qualquer área de trabalho é necessário um começo, onde ocorrem os primeiros contatos e experiências no setor escolhido. Na maioria dos casos esse aprendizado inicial é essencial para garantir alguns pré-requisitos que serão cobrados para os futuros desenvolvedores plenos e sêniors.

A busca pelos primeiros empregos pode ser complicada, principalmente pela amplitude de conhecimentos que podem ser requeridos pelos recrutadores. Porém existem linguagens que podem ser consideradas obrigatórias como: HTML, CSS e JavaScript. Além disso, é sempre recomendável um certo conhecimento destinado à Web Desing, Photoshop, Controle de versão (Git / GitHub) e qualquer experiência voltada para a parte visual. Portanto, procure sempre aprimorar-se para conseguir uma boa base de habilidades e se tornar um candidato mais competitivo.

css html javascript

Se suas habilidades essências estão em dia e bem desenvolvidas, você já conquistou a parte mais difícil do processo, obtendo essas habilidades indispensáveis. Mas se você quiser ter certeza de que é um candidato de alto nível, há muitas coisas que você podem ser feitas para se preparar.

Aqui estão 11 dicas para fazer o seu telefone tocar ou  deixar sua caixa de e-mail lotada com convites para entrevistas. Quanto mais cedo forem aplicadas essas dicas, maiores suas chance de garantir seu lugar no mercado.

 

 

1-Construir seu próprio portfólio

Criar seu portfólio é o seu objetivo número um se você deseja obter um trabalho como desenvolvedor. Para os recrutadores em geral, se deparar com um portfólio bem feito e completo pode agregar muitos pontos ao candidato.

Seu portfólio é a primeira coisa que os potenciais empregadores verão ao considerar você para algum cargo, por isso precisa ser um reflexo real de suas habilidades e de você mesmo. Em hipótese alguma preencha sua apresentação com informações falsas, pois, essas habilidades podem ser (e provavelmente serão) cobradas futuramente.

Dica : Se for possível, crie seu próprio site para utilizar como portfólio ! Isso pode causar uma grande boa impressão e mostrar de cara uma de suas habilidades.

 

2- Preencha seu portfólio com projetos

Agora que você criou sou portfólio ou construiu seu próprio site, é hora de completá-lo com todas as suas experiências. Claro que você incluirá qualquer trabalho que você tenha feito para empresas ou clientes (com sua permissão), projetos de grande relevância e habilidades que não são comuns. Mas não precisa se preocupar se você não fez muitos – ou nenhum – projetos ao longo dessa curta carreira.

portfólio desenvolvedor

Caso você não tenha ideia de como construir um portfólio que atraia os recrutadores, faça uma pesquisa e não se envergonhe de utilizar outros como base.

Dica : Procure disponibilizar algumas de suas criações em livrarias “open source”, como no site codpen.io, para mostrar o que já produziu e que você está sempre em atividade.

 

3- Faça projetos como Freelancer

Ainda sobre os projetos, uma ótima maneira de agregar alguns para o seu portfólio é realizar alguns trabalhos freelance. Isso lhe dará a chance de construir sua experiência e reforçar o saldo bancário, ajudando você a completar seu portfólio.

Os projetos não precisam ser complexos e elaborados. Você pode oferecer, por exemplo, uma reestruturação de site para pequenas empresas ou criar páginas ou newsletter HTML para organizções sem fins lucrativos, apenas visando o ganho experiências que podem agregar tanto para suas habilidades pessoais quanto para aqueles que te avaliam.

Nesse ponto o importante é mostrar o anseio por projetos e mostrar que está disposto a dar o seu máximo para conseguir uma vaga e se tornar um grande desenvolvedor.

 

4- Coloque seu código no GitHub

O Github é o site padrão da indústria para controle de versão, muitas empresas querem saber se você já está habituado à ferramenta. Para provar seu conhecimento você pode mostrar o seu melhor código criando sua própria conta Github e usá-la como um repositório para seus projetos.

github logo

Depois de configurá-lo, tente fazer contribuições regulares para a sua conta GitHub para mostrar que o seu trabalho é constante assim como a sua busca por novas habilidades. Mesmo que sejam apenas para projetos “imaginários”, mantenha seu código limpo e organizado e inclua documentação “READ-ME” claro e conciso para que os empregadores saibam que você poderá entrar diretamente em codificação colaborativa em suas equipes e projetos.

 

5- Contribuir para um projeto de fonte aberta

Se a maior parte da sua codificação tiver sido destinada à aulas, simulações de projetos ou apresentações individuais, você também pode aumentar o seu trabalho em equipe através de projetos de código aberto.

A fonte aberta é o termo para o código-fonte que está disponível publicamente e pode ser modificado por qualquer um que tiver interesse em codificar.

Participar em projetos de código aberto pode: fortalecer suas habilidades de desenvolvimento,  ajudar a obter exeriência prática com trabalhos em equipes e projetos e permitir que você se conecte com diversos outros desenvolvedores.

Você pode procurar projetos de código aberto de todos os tipos e tamanhos no Explore GitHub. E uma vez que você encontrar um projeto que está interessado, procure explorar o mesmo ao máximo, não tenha medo de entrar de cabeça e ajudar! Alguns primeiros passos fáceis que você pode tomar são: relatar erros, ajudar a priorizar problemas, testes beta, trabalhar no site do projeto ou melhorar a documentação.

 

6- Participe de Hackathons e eventos agregadores

O mercado voltado para programação vem crescendo constantemente e novas formas de teste estão surgindo, entre elas a que mais vem ganhando destaque são as Hackathons. Essas maratonas consistem em uma maneira divertida e emocionante de conhecer pessoas com os mesmos interesses, enfrentar problemas interessantes, testar suas habilidades de codificação, aprender com os outros e talvez ganhar prêmios como cartões de presente, equipamentos, viagens e dinheiro! Isso é algo que pode tornar você um candidato mais atrativo se estiver procurando empregos como desenvolvedor … Em um hackathon, você acabará codificando em uma equipe de codificadores o que faz você muito mais atraente para ser contratado como gerente em agências de desenvolvimento web.

hackathon

 

7- Não deixe problemas sem solução

Em muitas situações deixamos um problema de lado simplesmente por não conseguir resolvê-lo ou mantemos uma dúvida em nossas cabeças ao invés de buscar soluções. Mas como já tenho falado ao longo deste artigo, para conseguir um emprego você deve se preparar da melhor forma, logo quando encontrar problemas ao longo do seu aprimoramento como desenvolvedor front-end procure fóruns, sites especializados e até cursos. Assim você poderá  encontrar diversas formas de tirar as pedras do seu caminho, esclarecer dúvidas e até mesmo conhecer outros programadores.

Stack Overflow Homepage

 

Um bom site para ter acesso a essas ferramentas é o “Stack Overflow”. O website serve como plataforma para que os usuários façam perguntas e também as respondam. Além disso todas as ações são registradas, o que torna possível voltar às questões quando quiser. Os usuários do site podem também receber pontuações e medalhas, podendo dar visibilidade para aqueles membros mais ativos e dedicados.

 

8- Fique de olho nas notícias das empresas

Para evitar de ficar sem papo quando entrar em contato com desenvolvedores mais técnicos e experientes ou durante a sua primeira entrevista de emprego de desenvolvedor front-end , comece a acompanhar o que está acontecendo no mundo da tecnologia.

Você não precisa ser um especialista em cada história ou tópico publicado pelas empresas. Apenas saiba o que há de interessante e o que está acontecendo. E para isso é preciso apenas: ler blogs ou sites de notícias tecnológicas durante o café da manhã, ouvir podcasts quando estiver nos ônibus ou trens ou digitalizar listas do Twitter enquanto espera em filas intermináveis.

 

9- Aprenda mais !!

Além de ficar antenado nas notícias, você também deve manter sempre o aprendizado de novas habilidades e ferramentas do comércio. Como desenvolvedor web frontend, você deve saber que isso agregará em um momento de avaliação.

Dominar as habilidades básicas é primordial,  mas algumas cartas na manga são sempre bem vindas para conseguir um bom emprego e sem dúvidas conhecer a movimentação de habilidades do mercado vai mostrar o seu interesse e empenho.

 

10- Melhore seu currículo

Mesmo que seu portfólio seja onde você mostrará suas habilidades, muitas empresas ainda utilizando dos currículos para “eliminar” candidatos. Isso significa que o seu precisa ser tão polido e profissional quanto o seu portfólio se você deseja ser notado e cotado.

curriculo programador

Claro que você vai querer atualizar as informações em seu currículo para se adequar ao desenvolvimento web. Certifique-se também de destacar as suas principais habilidades, reproduzir qualquer experiência relacionada à tecnologia e fornecer detalhes específicos para provar suas realizações e pontos fortes.

Dica: Para um desenvolvedor front-end é muito importante o aspecto do seu currículo, pois, pode mostrar a suas habilidades ligadas ao desing e criatividade.

 

11- Procure por vagas e participe de entrevistas !

Agora que você fez esses esforços extras para melhorar suas experiências, é hora de procurar algumas listas de emprego front-end.

Comece pesquisando apenas por “desenvolvedor frontend júnior” e não se preocupe com a empresa ou a localização. A ideia é que você veja o tipo de candidato que os recrutadores estão procurando e que tipo de opções estão disponíveis para você em geral.

Tenha em mente que os anúncios de emprego tendem a listar mais habilidades e conhecimentos do que realmente são esperando dos candidatos. Não custa nada para os empregadores adicionar habilidades extras que podem ajudar nas escolhas. Se você pode trabalhar com a maior parte do quea empresa está procurando, você provavelmente será considerado para o papel.

Depois de ter avaliado as oportunidades, vá em frente e envie seu currículo para alguns trabalhos que você realmente esteja interessado. Seja realista, mas não seja tímido. Ninguém virá batendo na sua porta com uma posição de desenvolvimento front na mão. Você tem que se colocar à disposição do mercado.

desenvolvedor frontend

E não se esqueça de fazer de tudo para espalhar a notícia de que você está buscando um oportunidade! Deixe que todos os seus amigos, familiares, vizinhos e, claro, hackathon / meet-up / amigos on-line saibam que você está procurando ativamente. Você nunca sabe quem tem um amigo, que tem um amigo, que conhece o trabalho perfeito para você.

Quando esse tão esperado momento acontece e você é convidado para uma entrevista, não pense duas vezes e vá para ela ! Este é o momento que você esperava! Você nunca pode ser preparado a 100% para qualquer entrevista, mas você sabe o quão difícil você trabalhou para isso, então mostre o que você tem. Além disto, você nunca ganhará confiança em uma situação de desconforto se não houver prática.

Não importa o que aconteça, você terá sobrevivido àquela primeira entrevista nervosa, e esse simples fato tornará as próximas muito mais fáceis. Além disso, você terá uma ideia muito melhor do que serão as futuras entrevistas e sobre o que você precisa trabalhar para elas. E talvez não seja surpreendente, não há melhor preparação para uma entrevista de emprego do que uma entrevista de emprego. Em nenhum momento, em vez de apenas candidatar-se a posições júnior de desenvolvedores web, você aceita seu primeiro!

VER VAGAS FRONT-END

Se esse artigo ajudou você em sua busca por empregos, compartilhe com outros programadores ou comente abaixo caso tenha sentido falta de alguma dica !

Compartilhar

1 Comment

  1. paulo jose cpires

    11 Junho, 2018 at 17:31

    ola e uma opção para conseguir trabalhos frelancers,pois sempre pedem portfolio.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*