Blog ProgramaThor

A plataforma de recrutamento para programadores pensada por programadores.

Quanto ganha um Programador? Medidor de salários de desenvolvedores

Não há como negar que quando chega o momento de decidir qual profissão iremos seguir, não é apenas a paixão que guia as nossa escolhas. Independente da área que você escolher, pesquisar sobre os salários específicos é muito importante, até porque, muito tempo será dedicado à esta tarefa e você precisa de dinheiro para sobreviver.

Definir um salário fixo é quase impossível, principalmente quando se trata de trabalhos ligados à Tecnologia da Informação (TI) onde existem inúmeros segmentos profissionais.

Ao optar pela programação você escolhe alguma(s) linguagens(s) para se especializar e se tornar conhecido por isso. E os salários oferecidos para desenvolvedores não são fixos e podem variar muito de acordo com a sua especialidade.

Nesse artigo dividiremos as principais linguagens de programação e apresentaremos uma média aproximada dos salários que tem sido oferecidos no mercado  brasileiro. Lembre-se que em uma média podem existir salários muito mais altos ou muito menores em relação aos apresentados abaixo.

Continue reading

Como criar seu Currículo de Programador

Nos dias atuais nenhum recrutador tem tempo de avaliar um currículo longo e denso, portanto procure sempre estruturar suas informações de uma maneira que torna a sua apresentação o mais simples e objetiva possível.

Sem dúvidas a regra mais importante no momento da criação do seu currículo é ser 100% sincero. Outra dica essencial é elaborar seu documento de uma forma fácil de ler e identificar as informações. Se você trabalha com desenvolvimento web é quase natural saber que otimizamos as páginas de uma maneira específica para cada consumidor. Faz parte do comportamento humano saltar os olhos através das páginas identificando rapidamente palavras, portanto o seu currículo não deve ser diferente.

Sua intenção é implícita: se você quiser conseguir uma entrevista e eventualmente um emprego, sua introdução é o ponto mais importante que será escrito no seu currículo, uma evidência de que você é qualificado para o trabalho.

Como desenvolvedor você deve concentrar-se em três coisas: Experiências, projetos paralelos e educação. São raríssimos os casos em que você ganhará destaque sem algum desses itens.

Se você está buscando cargos de liderança, mostre a relevância das suas experiências somado a uma base educacional forte e isso pode ser suficiente para conseguir uma entrevista. Já se sua busca é destinada à cargos Júnior e faltam experiências na sua trajetória, seu aprendizado e pequenos projetos paralelos podem fazer a diferença.

Continue reading

Ainda vale a pena programar em Java? Veja 4 motivos!

Se você já leu ou se informou sobre a área de programação, com certeza já deve ter ouvido falar do Java. Mesmo que nunca tenha escrito uma linha de código, é provável que já tenha visto alguma coisa relacionada no seu computador, como aquelas constantes atualizações que aparecem no Windows.

O fato é que o Java é uma das principais linguagens de programação de todos os tempos. Bilhões – isso mesmo, bilhões! – de aparelhos e servidores rodam Java, desde jogos no celular até sistemas bancários. Mas aí vem aquela dúvida: sendo uma linguagem criada há mais de 25 anos atrás, ainda vale a pena aprender a programar em Java?

Essa dúvida surge, pois o Java costuma ser muito criticado. Seja pela idade da linguagem, por sua complexidade ou vagareza em certos momentos. Geralmente,  códigos em Java são maiores do que em outras linguagens, precisando de mais classes e conexões. Mas isso faz a linguagem se tornar ruim e obsoleta?

Então… isso você descobrirá agora. Continue lendo!

Continue reading

Como recrutar um programador / desenvolvedor

A tecnologia nunca para de avançar e o reflexo disso é uma demanda cada vez mais crescente de profissionais ligados a área do desenvolvimento. Porém por ser uma profissão muito recente, muitos recrutadores encontram dificuldades para recrutar seus programadores de uma forma mais simples e eficiente.

Além desta dificuldade inicial, nós vivemos em um país onde a tecnologia da informação avança a passos reduzidos se comparado a países desenvolvidos com um maior nível de investimentos em inovações.

Para te ajudar nessa difícil tarefa em busca candidato certo, aqui estão 4 maneiras de recrutar um desenvolvedor.

  Continue reading

11 dicas para conseguir um emprego como desenvolvedor front-end júnior

“Front-end Júnior” é o termo comumente usado para pessoas que começam no setor de desenvolvimento com foco na parte da aplicação que interage diretamente com o usuário (interface). Mas não deixe que o título que soa minúsculo te desanime, pois, em qualquer área de trabalho é necessário um começo, onde ocorrem os primeiros contatos e experiências no setor escolhido. Na maioria dos casos esse aprendizado inicial é essencial para garantir alguns pré-requisitos que serão cobrados para os futuros desenvolvedores plenos e sêniors.

A busca pelos primeiros empregos pode ser complicada, principalmente pela amplitude de conhecimentos que podem ser requeridos pelos recrutadores. Porém existem linguagens que podem ser consideradas obrigatórias como: HTML, CSS e JavaScript. Além disso, é sempre recomendável um certo conhecimento destinado à Web Desing, Photoshop, Controle de versão (Git / GitHub) e qualquer experiência voltada para a parte visual. Portanto, procure sempre aprimorar-se para conseguir uma boa base de habilidades e se tornar um candidato mais competitivo.

css html javascript

Se suas habilidades essências estão em dia e bem desenvolvidas, você já conquistou a parte mais difícil do processo, obtendo essas habilidades indispensáveis. Mas se você quiser ter certeza de que é um candidato de alto nível, há muitas coisas que você podem ser feitas para se preparar.

Aqui estão 11 dicas para fazer o seu telefone tocar ou  deixar sua caixa de e-mail lotada com convites para entrevistas. Quanto mais cedo forem aplicadas essas dicas, maiores suas chance de garantir seu lugar no mercado.

 

Continue reading

« Older posts