O Big Data, que podemos definir como um novo conceito de tecnologia que envolve a captura, tratamento, armazenamento e utilização de uma enorme quantidade de dados; tem sido cada vez mais útil para os mais diversos tipos de negócio. No entanto, está ainda mais em alta atualmente, pois, o uso de Big Data na pandemia, tem sido de grande ajuda nessa luta, como você confere aqui nesse conteúdo!

O uso de Big Data na pandemia: como acontece

Usar informações de maneira correta na luta contra o coronavírus, tem sido uma boa ideia. Através da análise de um grande volume de dados, órgãos públicos e instituições de pesquisas e de saúde, têm conseguido prever o comportamento do vírus, determinar locais com picos de contaminação em potencial, bem como entender a evolução da doença de maneira geral.

Alguns exemplos do uso do Big Data na pandemia

Dentre os exemplos de uso dessa tecnologia, tem se destacado em cenário mundial:

  • Através da plataforma de pagamento Alipay, a empresa chinesa Alibaba, criou a Alipay Health Code, uma ferramenta de análise de Big Data, que faz a leitura de dados dos usuários, identificando o potencial de contaminação dos mesmos, através de um código por cor. Assim, é possível controlar de certa forma a circulação de pessoas, entre as que não têm restrição e as que precisam de uma ou duas semanas de quarentena.
  • A empresa americana Parexel, provedora de serviços biofarmacêuticos, tem apostado na coleta de informações mundiais em tempo real, utilizando a tecnologia Big Data, para ajudar pesquisadores, médicos, cientistas e epidemiologistas; a sintetizar dados sobre a pandemia, em escala global, com mais facilidade, agilidade e confiabilidade.

Combate a futuras ameaças

A grande promessa do uso de Big Data na pandemia, no entanto, é o auxílio que essa tecnologia tende a oferecer, no combate a futuras ameaças. Instituições de tecnologias aliadas as autoridades médicas, concluíram que isso é possível através da disponibilidade e interação de informações do mundo todo, nas mesmas bases de dados. 

A integração de bancos de dados que contenham informações de redes de saúde públicas e privadas mundo a fora, é de suma importância para a comunidade médica global. Pois com isso, é possível atuar de forma mais efetiva, combatendo ameaças de futuras pandemias e, também, melhorando os padrões de atendimento estabelecidos até então, focando em ações que sejam mais aderentes as necessidades de saúde da população mundial.

Para exemplificar melhor, com o uso de um grande volume de informações sobre o histórico de saúde de pacientes, equipes médicas podem trabalhar em métodos de tratamento mais eficazes; além do que a análise de dados de pacientes já curados ou em evolução nos seus tratamentos, tende a ajudar cientistas a encontrar curas mais rapidamente.

Outro fator interessante, é que as tecnologias de inteligência artificial que usam Big Data têm utilizado mecanismos de auto aprendizado ou machine learning, tornando-as cada vez mais assertivas e eficientes. Isso auxilia, por exemplo, a ação mais rápida e correta, diante de possíveis novos surtos epidemiológicos, considerando um sistema já preparado para indicar ações a serem tomadas, com base em experiências passadas. A governança corporativa é importante nesse caso, a fim de determinar processos, políticas e regulamentos; que facilitem o uso desses dados.

Compartilhe suas ideias sobre o uso de Big Data na pandemia!

É normal que tantos os programadores quanto qualquer outro profissional de tecnologia, seja apaixonado pelas inovações que não param de surgir. E quando se trata de algo que tem ajudado significativamente uma situação tão crítica, como essa que estamos passando, simplesmente não há como não admirar ainda mais a tecnologia, não é mesmo?

Compartilhe conosco então a sua opinião sobre o uso de Big Data na pandemia! 

Consiga um emprego!

Está procurando por uma oportunidade de trabalho como desenvolvedor? Você pode encontrar seu próximo emprego aqui na ProgramaThor, uma plataforma focada em vagas para desenvolvedores. Basta se cadastrar e completar seu perfil para começar a se candidatar às vagas que mais combinam com você! Veja nossas vagas.

Compartilhar